Quem sou eu

Minha foto
Cachoeira do Sul, Rs, Brazil
Fundada em 19 de Junho de 2000, com objetivo de pesquisar, resgatar e incentivar a cultura e os costumes da raça negra através de atividades recreativas,desportivas e filantrópicas no seio no seu quadro social da comunidade em geral, trabalhar pela ascensão social, econômica e politica da etnia negra, no Municipio, Estado e no Pais.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Homenagen a João Candido em Rio Pardo

 A primeira homenagem ontem na região pelos 100 anos da Revolta da Chibata e, especialmente, ao líder João Cândido, ocorreu no final da manhã na Câmara de Rio Pardo, com a presença do neto João Cândido de Oliveira Neto (Candinho).
O evento contou com a participação de representantes de movimentos sociais do município, Cachoeira do Sul, Porto Alegre e outras localidades. O professor e um dos líderes dos movimentos afro em Encruzilhada do Sul, José Roberto Moreira da Silva (Betinho), entregou ao ministro da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), Elói Ferreira de Araújo, um abaixo-assinado do documento de apoio indenizatório pecuniário à família de João Cândido, com cerca de 500 adesões.
Também houve a entrega de várias outras reivindicações.


A presidente da Câmara, Marisete Wietzke de Oliveira, solicitou atenção maior ao quilombo existente na localidade de Rincão dos Negros e o reconhecimento de outros dois: de Pederneiras e Cruz Alta. Também entregou uma cópia do seu projeto que busca a aceleração nos processos de adoção. Observou que as estatísticas mostram que a maioria das crianças nos abrigos são negras.

O representante da comunidade quilombola de Rincão dos Negros, Adair Davi, repassou ao ministro um documento com solicitações de apoio a projetos na área da agricultura.

Um grupo de ex-funcionários municipais de Cachoeira do Sul, admitidos mediante concurso pela lei municipal das cotas e exonerados este ano por uma ação da Justiça, também pediu o apoio do ministro. Explicam que a decisão da Justiça alegou vício de origem da lei, pois foi de autoria da Câmara. Os cotistas querem indenização, alegando erro do Estado.

Livro dos 200 anos
O prefeito de Rio Pardo, Joni Lisboa da Rocha, durante o almoço no Clube Recreativo Rio Pardo Taquari, entregou ao ministro da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), Elói Ferreira de Araújo, um exemplar do livro Uma luz para a história do Rio Grande: Rio Pardo 200 anos – cultura, arte e memória. A obra foi produzida a partir de pesquisas e reportagens das equipes da Gazeta do Sul, Editora Gazeta Santa Cruz e Departamento de História e Geografia da Unisc. O lançamento oficial ocorreu em 8 de julho deste ano, no Centro Administrativo do Estado, em Porto Alegre.


Joni da Rocha disse que mostrou ao ministro as páginas do capítulo sobre a escravidão dos negros no Rio Grande do Sul. Araújo se impressionou com as informações detalhadas e chamou a sua equipe para conhecer a publicação. O ministro disse ao prefeito que pretendia ler o livro em sua viagem de retorno a Brasília.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Dia da Consciência Negra

A Câmara  Municipal de Vereadores realizou na sexta-feira dia 19/11, Sessão solene em homenagem ao Dia da Consciência Negra, quando foram homenageados a professora da Escola Dora Abreu, Ana Maria Rodrigues e o Sargento bombeiro, Júlio César Correa da Luz, ex-presidente da Associação Cachoeirense de Cultura Afro, sendo proposição da vereadora Mariana Carlos.( foto da esquerda para direita Bispo Dom Irineu, Professora Ana  Maria Rodrigues, Pres. da Camara de Vereadores Oscar Sartorio, Sarg. Julio Cesar Correa da Luz, Luciano Ramos -ACCA,  Vereador Neiron Viegas)

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Mais belos negros do RS são de Cachoeira






Três cachoeirenses entraram para a corte de Belezas Negras do Rio Grande do Sul. O coordenador do Grupo de Dança Afro Filhos da Noite, Cássio Maciel, de 25 anos, foi eleito o Mais Belo Negro gaúcho.
A rainha infantil do Carnaval 2010 de Cachoeira do Sul, Ketlyn Ledriane de Oliveira, de 10 anos, conquistou o título de Mais Bela Negra Infantil do estado. Já a atual Mais Bela Negra de Cachoeira do Sul, Jéssica Santos, de 19 anos, conquistou o título de Primeira-princesa Negra do Rio Grande do Sul.


Cachoeira do Sul também trouxe o título de Melhor Grupo de Dança Afro do estado. A mais bela negra estadual de 2010 é da cidade de Venâncio Aires. Ela recebeu a faixa de sua antecessora, a cachoei-rense Sirlei Aparecida Lopes Cruz, que ostentou o título no ano passado






Semana da Consciência Negra de Cachoeira do Sul 2010

Reconhecido no ano passado pelo governo brasileiro como um dos heróis negros, o marinheiro João Cândido, natural de Encruzilhada do Sul, que no começo do século passado liderou o movimento que ficou conhecido como Revolta da Chibata, será um dos destaques da Semana Municipal da Consciência Negra de Cachoeira do Sul.
As atividades da Semana da Consciência Negra, que transcorrerá de 13 a 21 de novembro, culminará com kizomba na  praça José Bonifácio.
De acordo com o presidente da Associação Cachoeirense da Cultura Afro-brasileira (Acca), Luciano Ramos, além do Almirante Negro, serão lembrados também os negros que foram massacrados por tropas federais no final da Revolução Farroupilha, no episódio que entrou para a história como a chacina dos voluntários e lanceiros negros denominado como Massacre de Porongos. O fato ocorreu no Cerro dos Porongos, no interior do município de Pinheiro Machado, que tornou-se um dos pontos de referência da luta do povo negro gaúcho.
         Um dos objetivos da divulgação dos fatos históricos é reforçar o apelo feito pelo movimento negro Brasileiro que defende a indenização aos familiares dos negros assassinados.  Na Sexta-Feira dia 05 reuniran-se  representantes de outras entidades ligadas à consciência negra na sede da Coordenadoria da Igualdade Racial, no qual ficou definido o calendário de atividades da semana.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Estatuto da Igualdade Racial em debate

O senador Paulo Paim, autor do projeto original do Estatuto da Igualdade Racial, sancionado pelo presidente Lula em julho deste ano, será o palestrante do Seminário “O Estatuto da Igualdade Racial – avanços e desafios na superação do racismo no Brasil”. O evento ocorre no dia 4 de novembro, às 19h30min, no Auditório Central da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc). A promoção é do Diretório Central de Estudantes da Unisc, com o apoio da Universidade, da Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Sul e da Comissão Organizadora da Ciranda Afro 2010 de Santa Cruz do Sul. As inscrições são no local, com entrada franca.

O Estatuto, sob forma da Lei Federal nº 12.288/2010, é resultado de décadas de mobilização do movimento negro brasileiro e de outras instituições em defesa de minorias étnicas. Somente em Brasília, foram 10 anos de tramitação. São 65 artigos, contemplando temas como saúde, educação, cultura, habitação e trabalho. O artigo 47 institui o Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Sinapir) “como forma de organização e de articulação voltadas à implementação do conjunto de políticas e serviços destinados a superar as desigualdades étnicas existentes no País”.
“Talvez o maior avanço do Estatuto seja o reconhecimento oficial da desigualdade racial existente no Brasil, algo escamoteado de diversas formas, mas sempre revelado por inúmeras estatísticas e o cotidiano onde negros e índios vivem em regra nas piores condições socioeconômicas”, avalia Gerusa Bittencourt, acadêmica de Enfermagem e coordenadora do DCE da Unisc.

O objetivo do Seminário é divulgar a legislação e debater a sua aplicação prática na promoção da igualdade racial nas regiões dos Vales do Rio Pardo, Taquari e Jacuí.
Mais informações pelos fones (51) 3717-4151 ou 3717-7320 e através dos e-mails dceunisc@hotmail.com ou proext@unisc.br

Programa de Ação Afirmativa

Programa de Ação Afirmativa

INSTITUTO RIO BRANCO (IRBr)
Carreira Diplomática
Ministério das Relações Exteriores


Instituto Rio Branco

O Instituto Rio Branco (IRBr) e o Conselho Nacional Do Desenvolvimento Científico E Tecnológico (CNPq)  estabelecem as normas e tornam pública a realização de  Processo Seletivo  para o

“Programa de Ação Afirmativa do Instituto Rio Branco – Bolsa-Prêmio de Vocação para a Diplomacia”, que conta com a participação da Secretaria Especial dos Direitos Humanos - SDEH,
da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial – SEPPIR - e da Fundação Cultural Palmares - FCP.
Cargo Bolsa-Prêmio de Vocação para a Diplomacia.
Vagas Bolsa-Prêmio de Vocação para a Diplomacia R$25.000,00.

>>> Inscrições <<<
de 08 de novembro a 26 de novembro 2010

Inscrição para concorrer à Bolsa-Prêmio de Vocação para a Diplomacia é gratuita e deverá ser efetuada no período entre 10 horas do dia 8 de novembro de 2010 e 23 horas e 59 minutos do dia 26 de novembro de 2010.

O/a candidato/a deverá preencher ficha cadastral, no endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/irbrbolsa2010
e remeter via SEDEX, cópias dos documentos exigidos pelo Edital,

Abertas inscrições para fórum internacional de diversidade

Entre os dias 25 de outubro e 18 de novembro, estarão abertas inscrições gratuitas para o I Fórum Internacional de Educação, Diversidade e Identidades – Gênero, Raça e Educação nos Países da Diáspora depois de Durban, através do site www.fiedi.com.br.

O evento, dirigido a professores da rede pública municipal e pessoas ligadas a entidades que atuam nas áreas relacionadas ao tema, acontecerános dias 25, 26 e 27 de novembro, no Hotel Pestana (Rio Vermelho).
Os organizadores pretendem reunir cerca de 500 pessoas do Brasil, da Nigéria e dos Estados Unidos em torno de mini-cursos, workshops, mesas de discussões, exposição, lançamento de livros e show de encerramento, onde o tema central será a intersecção de gênero-raça e educação.

Promovido pela Secretaria Municipal de Educação (Secult), através do Fundo Municipal para o Desenvolvimento Humano e Inclusão Educacional de Mulheres Afrodescentes (Fiema) e Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico (CENAP), o evento foi idealizado pela Tsedakah – Tecnologia e Humanidades.

Com o Fórum, a Secult pretende multiplicar as discussões e os resultados dentro da rede municipal de educação. Para tanto, todas as propostas retiradas resultarão em recomendações, que nortearão as políticas públicas na capital baiana. "Nosso objetivo é promover a superação das discriminações, sejam elas da ordem do racismo, sexismo ou homofobia”, frisou o secretário Carlos Soares.


Evento:
I Fórum Internacional de Educação, Diversidade e Identidades
Data: 25 a 27 de novembro de 2010
Local: Hotel Pestana - Rua Fonte do Boi, 216 - Rio Vermelho, Salvador (BA)
Mais informações: www.fiedi.com.br

ACCA organiza excursão para Santa Cruz do Sul

A ACCA organiza excursão no dia 06/11 para Santa Cruz dso Sul na 26ª Edição do MAIS BELA NEGRA RS, o evento acontecerá no parque da Octoberfest com inicio para as 22hs.
A excursão saira as 20h do Circulo Operario Cachoeirense e custará R$26,00 com ingreso para a festa,
 as reservas deverão ser feitas até amanha pelos fones 93311269 com Marcelo, 99954957 Luciano ou 97891165 Maria Helena.